Espiritismo é Racista

Crenças religiosas, em geral, são irracionais, fantasiosas, preconceituosas. Algumas mais, outras menos. Mas o padrão geralmente é o mesmo.

Bom, muita gente que se considera “esclarecida” adotou o espiritismo como uma suposta doutrina “mais evoluída”, “mais racional”.

Particularmente, eu sempre achei o espiritismo uma grande bobagem, não diferente das outras religiões (sim, o espiritismo é uma religião, ao contrário do que declaram alguns espíritas).

E uma das coisas que identifiquei de cara quando li o “Livro dos Espíritos” foram algumas ideias claramente racistas divulgadas por Allan Kardec. Segue abaixo uma reflexão divulgada no canal youtube de coldmaster1.

a

4 Respostas para “Espiritismo é Racista

  1. 1 – adorei o nome da série. “deus não existe”. objetividade: vc vê por aqui.

    2 – sim, o kardec ainda tava na vibe racista do fim do sec XIX começo do XX. e , sim, isso é no minimo ultrapassado. ridiculo, usando um termo abrangente.

    3 – mas, vai, vamos combinar que o espiritismo, de todas as “grandes crenças atuais” é a que pega mais leve. eles costumam ser bem tolerantes. se comparados a evangelicos e catolicos, claro. se fosse pra eu crer em deus e ter uma religião, eu seria espirita. mas isso é pessoal.😀

  2. Rayssa,

    concordo com vc em parte.

    Realmente, em geral, os praticantes do espiritismo tendem a não ser intolerantes.
    Pra mim, pouco importa a crença individual de cada um, porém, quando estas começam a interferir em decisões de Estado, aí me preocupo.

    Bom, nesses sentido, e fugindo um pouco do tema do vídeo (espiritismoXracismo), não vejo diferenças entre evangélicos, católicos e espíritas no que concerne algumas questões de interesse da sociedade que encontram barreiras no lobby religioso, por exemplo, a legalização do aborto.
    Até por uma questão numérica, temos mais notícias de entidades cristãs se posicionando contra qualquer decisão de Estado que aponte para essa iniciativa, todavia, restam-me poucas dúvidas de que a opinião de entidades espíritas não seria diferente.

    Voltando ao assunto do vídeo, felizmente não vejo espíritas defendendo conceitos racistas baseados na doutrina do Allan Kardec, mas já tive a oportunidade de perceber uma certa aceitação a conceitos como “mais evoluídos” e “menos evoluídos” para justificar certas desigualdades tão abundantes em nossa sociedade.

    Obrigado peo comentário, e volte sempre!🙂

  3. Os vídeos do coldmaster são muito bons. Eu estou inscrito no canal dele. ^^

  4. “…porque o Espiritismo, restituindo ao espírito o seu verdadeiro papel na criação, constatando a superioridade da inteligência sobre a matéria, apaga naturalmente todas as distinções estabelecidas entre os homens segundo as vantagens corpóreas e mundanas, sobre as quais ó o orgulho fundou castas e os estúpidos preconceitos de cor.” (Revista espírita)
    “Com a reencarnação, desaparecem os preconceitos de raças e de castas, pois o mesmo Espírito pode tornar a nascer rico ou pobre, capitalista ou proletário, chefe ou subordinado, livre ou escravo, homem ou mulher.” (A gênese)
    Logo, será mesmo que ele era racista?
    Kardec foi educado na escola de Pestalozzi, onde o racismo era proibido e, se existisse, castigado. Ele dava aulas gratuitas de Química, Física, Astronomia e Anatomia comparada em sua casa. Vamos pensar com lógica: isso é próprio de alguém racista? Com certeza não.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s